quarta-feira, 28 de dezembro de 2011

Que venha 2012!

Estamos terminando 2011 e hoje é o último ensaio do ano...
Partilhamos inúmeras coisas e certamente continuaremos a partilhar, enquanto o Senhor assim o permitir...
Não poderia deixar de dizer, mais uma vez, o quanto essa experiência de compartilhar a vida em comunidade, nossa pequena comunidade, é importante para a minha vida e o quanto ela me fez e faz crescer...
Penso que o mesmo acontece com cada um de vocês...
O convívio semanal nos exercita no amor, na paciência, na compaixão, na amizade, na partilha de alegrias e tristezas, enfim, nos torna melhores, mesmo que às vezes a gente nem se dê conta. Buscar ter Jesus presente entre nós tem nos mantido unidos e amorosos, mesmo quando alguem "sobe o tom", "desafina", sai da "melodia"... Lógico, somos humanos, imperfeitos e cada um tem seu dia de "notas pouco harmoniosas"...
Eu sei que muitos de vocês, às vezes, se impacientam com algumas coisas, pois gostariam que tudo fosse mais perfeito... o som, o retorno, os arranjos, a regência, a técnica vocal, a sonoridade, o acompanhamento... Mas é tão bom assumir a imperfeição... Porque assumindo isso, podemos ser melhores, fazer da fraqueza a força e desta forma, dar o melhor de si. Só.
Se a gente pára na imperfeição, fica imobilizado... Não canta, não toca, não participa, se esconde... E fica sozinho...
Estar junto e unir forças e imperfeições tem nos feito ser como somos...
Tem nos feito cantar pra Deus e ver que Ele, presente, faz acontecer, nas pessoas que nos ouvem, o milagre de sermos harmoniosos.
Acho que "só" isso bastaria... Mas não é só isso que temos, com certeza...
Temos entre nós um GRANDE, IMENSO amor, que se manifesta em tantos pequenos gestos, em tantas pequenas delicadezas, em tantas orações ardorosas, na nossa plena juventude em estarmos entusiasticamente nos encontrando nos ensaios e missas...
Tantas vezes olho para vocês e vejo somente crianças... Não estou falando pela folia e irreverência de alguns momentos, estou falando pela pureza, amorosidade que vejo nos olhos de cada um quando canta ou toca, com vivacidade e alegria, tentando o seu melhor.
E quando vejo o resultado final, não importa muito se teve alguma coisa que não deu muito certo, se ficou aquém do ensaiado ou esperado... Importa ver sempre o que vejo, viver com vocês o que vivo, porque é disso que a vida é feita. Nem sempre é do jeito que a gente quer, nem sempre é o que a gente esperava, os imprevistos acontecem, mesmo que a gente planeje muito e treine bastante... No final, tudo o que fica é o que cada um deu de si. E diz a música que, no final, o amor que a gente tem é o amor que a gente deu... ("In the end, the love you take is equal to the love you make").
Sempre procurei um vídeo para postar aqui, que pudesse dar uma ideia do que eu digo quando olho vocês... Talvez me compreendam melhor assistindo esse vídeo...

Quem pode dizer que tudo foi como o planejado?
Quem pode dizer que deu tudo errado?  
Será que alguém deixou de entender a mensagem?
Que nosso ensaio seja puro amor e entusiasmo, que a missa de Ano Novo seja também e, especialmente, que 2012 nos encontre feito crianças, que muito se alegram em estar reunidas e repartirem seus dons.

Beijo imenso a cada um.




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...